Blogroll

LITERATURA

Os livros que você não pode deixar de ler!


Ilíada e Odisséia – Homero


Torres de Barchester, As (The Barchester Chronicles) – Anthony Trollope

Orgulho e Preconceito (Pride and Prejudice) – Jane Austen

Viagens de Gulliver (Gulliver’s Travels) – Jonathan Swift

Jane Eyre (Jane Eyre) –Charlotte Brontë

Guerra e Paz (War and Peace) – Leon Tolstoi

Madame Bovary (Madame Bovary) – Gustave Flaubert

Sherlock Holmes Edição Definitiva 2vls. (The Complet Sherlock Holmes) – Sir Arthur Conan Doyle

Sono Eterno, O (The Big Sleep) – Raymond Chandler

Espião Que Sabia Demais, O (Tinker tailor soldier spy) – John Le Carré

Dragão Vermelho, O (The Red Dragon) – Thomas Harrison

Assassinato no Orient Express (Murder on the Orient Express) – Agatha Christie

Assassinatos na Rua Morgue (The Murders in the Rue Morgue) – Edgar Allan Poe

Declínio e Queda do Império Romando(The Decline and Fall of the Roman Empire) – Edward Gibbon

A History of the English-Speaking Peoples - Winston Churchill

História das Cruzadas, Uma (A History of the Crusades) – Steven Runciman

Histórias (TheHistories) – Heródoto

História da Guerra do Peloponeso, A (The History of the Peloponnesian War)- Tucídides

Setes Pilares da Sabedoria, Os (Seven Pillars of Wisdom) – T. E. Lawrence

The Anglo-Saxon Chronicle – Compilação da história inglesa feita a mando do Rei Alfredo da Inglaterra em 890 d.C.

Tragédia de um povo : a Revolução Russa : 1891-1924, A (A People’s Tragedy) – Orlando Figes

Grande sertão: veredas, Guimarães Rosa (na foto, acima)

Dom Casmurro, Machado de Assis

Memórias póstumas de Brás Cubas, Machado de Assis

O cortiço, Aluísio Azevedo

Os sertões, Euclides da Cunha

Macunaíma , Mário de Andrade

A paixão segundo G.H., Clarice Lispector

São Bernardo, Graciliano Ramos

Vidas secas, Graciliano Ramos

Angústia, Graciliano Ramos

Sagarana, Guimarães Rosa

Quincas Borba, Machado de Assis

Memórias sgto de milícias, Manuel A. de Almeida

Eu, Augusto dos Anjos

A hora da estrela, Clarice Lispector

Laços de família, Clarice Lispector

Os ratos, Dyonélio Machado

O tempo e o vento, Érico Veríssimo

Gabriela, cravo e canela, Jorge Amado

Triste fim de Policarpo Quaresma, Lima Barreto

A mão e a luva, Machado de Assis

Iaiá Garcia, Machado de Assis

Memorial de Aires, Machado de Assis

Papéis avulsos, Machado de Assis

A Estrela sobe, Marques Rebelo

O sítio do pica-pau amarelo, Monteiro Lobato

O quinze, Rachel de Queiroz

O ateneu, Raul Pompéia

Brás, bexiga e barra funda, Antônio de Alcântara Machado

Sermões, Antonio Vieira

Ópera dos mortos, Autran Dourado

Claro enigma, Carlos Drummond de Andrade

Espumas flutuantes, Castro Alves

Romanceiro da inconfidência, Cecília Meireles

Broquéis, Cruz e Sousa

Casa grande e senzala, Gilberto Freyre

Memórias do cárcere, Graciliano Ramos

Obra poética, Gregório de Matos

Corpo de baile, Guimarães Rosa

Morte e vida severina, João Cabral de Melo Neto

Dona Flor e seus dois maridos, Jorge Amado

Jubiabá, Jorge Amado

Tenda dos milagres, Jorge Amado

Invenção de Orfeu, Jorge de Lima

Iracema, José de Alencar

Lucíola, José de Alencar

O guarani, José de Alencar

Os cavalinhos de platiplanto, José J. Veiga

Fogo morto, José Lins do Rego

Libertinagem, Manuel Bandeira

A vida como ela é, Nelson Rodrigues

Poesias, Olavo Bilac

Lavoura arcaica, Raduan Nassar

Raízes do Brasil, Sérgio Buarque de Holanda

Obra poética, Vinicius de Moraes

Noite na taverna, Álvares de Azevedo